Carreira

Carta de recomendação: como funciona e como fazer?

Carta de recomendação

Em tempos em que as empresas estão cada vez mais exigentes para a seleção de seus profissionais, a carta de recomendação pode surtir um efeito extremamente positivo quando alinhado às características do profissional entrevistado.

Até mesmo porque, a carta pode ser uma pequena amostra das qualidades profissionais e, de certa forma, pessoais que um determinado candidato possui. Dessa forma, o recrutador se sente muito mais confiante em contratá-lo.

Assim, para saber como obter êxito na entrevista de emprego e se apresentar maiores e melhores diferenciais do que os outros candidatos, acompanhe o artigo!

Carta de recomendação

A carta de recomendação é um ótimo indicativo da boa reputação profissional de um indivíduo ao longo de sua carreira dentro de determinada empresa. Afinal, as recomendações dos chefes anteriores podem se tornar um forte diferencial para a ocupar a vaga pretendida.

Embora seja cedida geralmente pelo proprietário da empresa, gerente, diretor ou pelo próprio departamento pessoal, a carta de recomendação também pode ser cedida pelas universidades na hora de encaminhar e indicar os alunos para os estágios ou empregos definitivos.

No mercado de trabalho, independente do segmento ou vaga pretendida, existem empresas que contam com um processo de seleção extremamente exigente e que procuram alguém com vasta experiência, alto nível de confiança, profissionalismo e demais características que o diferenciará dos demais.

Assim, é justamente nesses casos em que a carta de recomendação é exigida em um processo seletivo. Dependendo de como ela é feita, pode ser um fator decisivo para escolher o candidato ideal. Exemplos de profissionais que dependem dessa carta:

  • Babás;
  • Empregadas domésticas;
  • Cuidadores de idosos;
  • Enfermeiros particulares;
  • Seguranças.

Logicamente, existem outros cargos que podem pedir a carta de recomendação. Ou então, ela pode ser cedida ao candidato e entregue de forma espontânea para os recrutadores.

Solicitação da carta de recomendação

Como dito anteriormente, é preferível que a carta de recomendação seja pedida para o proprietário da loja, caso ele seja o único gestor, gestores, diretores, profissionais do RH, professores, coordenadores de curso, etc.

Porém, é permitido que ex-colegas que possuem boa reputação e feitos importantes, redijam a carta. Para que isso aconteça, é preciso que ele conheça a fundo a pessoa em questão e saiba destacar muito bem as suas qualidades profissionais.

A boa reputação dessa pessoa é um fator muito importante, então jamais deve-se esquecer isso. Afinal, a intenção é agregar muito mais credibilidade ao currículo, e não despertar desconfiança nos recrutadores.

Para solicitar a carta, basta pedir pessoalmente ou enviar um e-mail, caso sinta-se acuado com o pedido. É importante verificar se a pessoa conhece bem o seu trabalho que foi desempenhado durante todo o período de tempo e também se tem disponibilidade para redigir a carta.

Além disso, é muito importante estar com o currículo todo atualizado e tê-lo em mãos para que a pessoa consiga redigir a carta com maior facilidade, além de ser muito importante que elas contenham os dados corretos.

Importante frisar que, mesmo que a pessoa negue o favor de redigir a carta, não corte contato e nem guarde mágoa. É importante sempre manter em dia a rede de contatos profissionais para futuras oportunidades.

Carta de recomendação

O que deve conter na carta

Independente de quem é a pessoa que está redigindo a carta, o importante mesmo é o que estará escrito na mesma. Afinal, é isso o que realmente conta para fazer a diferença na entrevista de emprego. Além disso, é muito importante que todas as informações sejam verdadeiras.

Isso porque grande parte das empresas entram em contato para checar se todas as informações procedem. Portanto, os dados e fatos registrados na carta devem estar em concordância com toda a veracidade dos fatos. Em relação ao conteúdo da carta, é preciso conter:

  • Período de trabalho/estudo na empresa/instituição de ensino;
  • Função desempenhada;
  • Em caso de estudantes, qual o curso que realizou no período de graduação;
  • Como foi o desempenho nas tarefas;
  • Maiores qualidades profissionais/estudantis;
  • Potenciais e pontos fortes.

Importante frisar que o contato do responsável por redigir a carta e a assinatura do mesmo, devem constar no final da carta para que a empresa possa entrar em contato e colher maiores informações.

Modelos de carta

Carta do ex-chefe

“Exímio Sr./Sra.

Venho por meio desta carta informar que no período de X até X, fui o responsável por supervisionar o desempenho profissional do Sr/Sra X que ocupou o cargo X na empresa X.

Declaro que todo o tempo em que o gerenciei, observei que se trata de um exímio profissional, competente, dedicado e ágil, que consegue realizar com maestria todas as tarefas que lhe são propostas.

Suas principais funções na empresa, eram _______  e todas elas tiveram as metas atingidas com eficácia. Inclusive, possui um ótimo relacionamento interpessoal e consegue aprender com agilidade tudo o que lhe é ensinado.

Caso precise de maiores informações, coloco-me à disposição pelo e-mail____ ou telefone _______.

Desde já agradeço,

Assinatura.”

Esse modelo de carta, pode ser adaptada para um ex-professor, ex-colega e demais pessoas autorizadas a realizar a carta de recomendação.

Maiores vantagens da carta

É fácil perceber a quantidade de pessoas que estão na fila de espera por um emprego digno e que lhes possibilite a oportunidade de mostrar todo o seu potencial. Logo, a carta de recomendação é um passo importante para conseguir a vaga tão sonhada em determinada empresa.

Afinal, é dessa forma que os recrutadores reconhecem os profissionais que, geralmente, possuem algo a mais para oferecer a empresa. Isso porque é muito raro que um candidato chegue em uma entrevista munido da carta de recomendação.

Logo, isso é um sinal de que ele conseguiu superar as expectativas em seu emprego anterior. Até mesmo porque, ela confirma todas as competências e habilidades que esse profissional mostrou durante todo o período que esteve responsável por aquela função.

Além do mais, mesmo que as entrevistas de emprego visem ser justas para com todos os candidatos, é normal que aquele que se destaca mais, tem maior probabilidade de conseguir a vaga. Logo, é importante usar tudo o que estiver ao seu favor, incluindo a carta de recomendação, para conseguir adentrar na corporação pretendida.

Deixe seu Comentário