Entrevista

Por que devo te contratar: saiba como responder

Por que devo te contratar

Por que devo te contratar? Essa é uma das perguntas que causa maior pânico no entrevistado durante as entrevistas de emprego. Isso porque ela tem a capacidade de pegar o profissional distraído, já que é muito normal o fato de que poucos se preparam para a entrevista.

Por que devo te contratar?

Existem perguntas que mesmo que sejam comuns em uma entrevista de emprego, elas ainda conseguem pegar o profissional de surpresa e fazê-lo quase ficar sem resposta. Isso porque ela também é uma forma de restar a autoconfiança do profissional e o quanto ele confia e conhece suas capacidades profissionais.

Quando essa pergunta é feita, na verdade, a empresa também procura saber que o candidato está apto para resolver todos os problemas que ela carrega. É uma forma de saber se o profissional conseguirá trazer soluções de peso para a corporação.

Antes de qualquer coisa, uma das dicas mais importantes é estudar profundamente todas as exigências que a vaga pede. Dessa forma, fica muito mais fácil responder essa pergunta e se preparar de uma forma mais confiante para a entrevista.

Afinal, é muito importante começar a entrevista passando uma boa impressão para os recrutadores, mas é melhor ainda terminá-la passando uma ótima impressão, já que é nesse momento em que decidirão quais os melhores candidatos.

Inclusive, é importante lembrar de que o currículo é o “mapa” que o recrutador utilizará para conhecer o entrevistado. Logo, é importante falar tudo o que está no currículo e também usar a favor os méritos profissionais que já conquistou e adaptá-los à pergunta.

Montando a resposta

Algumas dicas simples podem ser seguidas para responder a essa pergunta, como:

  • Brainstorm;
  • Estruturação de discurso;
  • Prática.

O Brainstorm gira em torno de lembrar todas as principais realizações que já ocorreram na carreira profissional, quais os principais pontos fortes e situações que seu profissionalismo foi posto a prova. É nesse momento que o entrevistado deve mostrar qual o seu diferencial em relação aos outros candidatos.

Em seguida, a estruturação do discurso é outro passo fundamentalmente importante. Independente para qual segmento é a vaga, é importante ser um bom vendedor nesse momento. Isso porque, saber se vender pode ser definitivo para ganhar a vaga.

Ou seja, descreva no máximo 4 pontos que serão usados durante a argumentação. Não é indicado escrever tudo em uma folha e decorar, isso fica muito robótico. Justamente por isso, seja natural e estenda a resposta até no máximo 2 minutos.

Além disso, já é de conhecimento de todas as pessoas que a prática é o que leva à perfeição. Logo, pratique muito a resposta, o tom de voz e a postura que será utilizada. Repita tudo em voz alta durante várias vezes ao dia, mas lembre-se, sem decorar.

Isso aumenta de forma inimaginável a confiança e assertividade nas respostas. Afinal, pode não parecer, mas elaborar uma resposta de forma mental e outra resposta de forma verbal, agrega grande diferença na hora de falar.

Por que devo te contratar

Evite

Quando um recrutador pergunta do “por que devo te contratar”, o que ele menos quer ver é um candidato nervoso e despreparado em sua frente. Logo, evite os seguintes erros:

  • Despreparo;
  • Modéstia;
  • Falas genéricas.

Como dito anteriormente, a falta de preparo é um veneno que pode facilmente por tudo a perder durante a entrevista. Logo, é nesse momento que a prática vai ajudar.

Em contra partida, muitos candidatos tentam passar uma imagem humilde, mas acabam transparecendo fraqueza ou modéstia em excesso. Logicamente, o recrutador notará que essa é uma imagem forçada e que não é isso que a empresa procura.

Assim, é importante saber que a humildade é muito importante em uma entrevista e em toda a carreira profissional e vida pessoa, porém, durante a entrevista lembre-se que é importante ser o vendedor de sua própria imagem.

Logo, não tenha medo de exaltar as melhores e mais fortes características profissionais, desde que elas sejam reais e não inventadas somente para agradar os recrutadores. Além disso, não use respostas genéricas.

As respostas genéricas é o que uma quantidade esmagadora de candidatos usam para tentar impressionar os recrutadores. Logo, esse é o momento de fazer diferente. Evite:

  • “Sou muito responsável”;
  • “Trabalho bem em equipe”;
  • “Sou muito perfeccionista”.

Essas respostas já estão ultrapassadas, além do mais, responsabilidade e bom trabalho em equipe é o mínimo que se espera em um profissional competente.

Exemplos de resposta para a pergunta: “por que devo te contratar?”

Como dito anteriormente, evite respostas genéricas, vagas e sem confiança. Não tenha medo de citar as principais qualidades profissionais. Tente usar respostas como:

“Possuo plena confiança de que minha experiência X se encaixa perfeitamente no que a empresa procura. Inclusive, possuo rápido raciocínio, o que me torna uma pessoa com autonomia de decisões e perfil resoluto para a função.”;

“Eu acredito que a minha paixão pela função X alinhada à minha habilidade com o público, é exatamente o que a empresa precisa para a vaga disponível. No meu último emprego, fui responsável por X ações e acabei por adquirir muito mais experiência na função, o que trouxe resultados satisfatórios para todos os envolvidos.”.

“Na última empresa que trabalhei, o meu grande interesse em aprender sobre X assunto fez uma grande diferença em todos os âmbitos. Durante meu último ano, me matriculei em curso X por conta própria e adquiri muito mais experiência na função. Com isso, a empresa ganhou mais dinheiro, a porcentagem de erros caiu notavelmente e todos os processos acabaram sendo feitos com maior agilidade e assertividade.”.

Dessa forma, a resposta se torna rápida, objetiva e com muito mais probabilidade de impressionar o recrutador responsável pela seleção. Note nas respostas que todas foram muito assertivas e não houve espaço para questionamentos e dúvidas quanto a capacidade profissional do entrevistado.

Entretanto, é importante, além do treino, usar a criatividade e adequar a resposta ao perfil da empresa. Logo, se a empresa se mostra ser mais informal, utilize uma resposta menos engessada e formal. Caso a empresa tenha um perfil mais exigente, opte por seguir a mesma linha de formalidade da mesma.

Dessa forma, a pergunta por que devo te contratar será respondida com base naquilo que a corporação espera ouvir e, dessa forma, há grandes probabilidades de se diferenciar dos demais candidatos e conseguir a vaga.

Deixe seu Comentário